Power Ranger Verde sofre tentativa de assassinato

Jason David Frank, o eterno Power Ranger Verde/Branco e lutador profissional de MMA, sofreu uma tentativa de assassinato durante sua visita à Phoenix Comicon, nos Estados Unidos. Segundo as pistas da polícia, era só um dos alvos que Matthew Sterling, de 31 anos, pretendia matar. Felizmente, o agressor foi preso antes que pudesse fazer qualquer coisa.

Segundo o azcentral, Sterling usava tinta preta, roupas pretas, uma faixa vermelha na cabeça e uma correia cruzando seu tronco contendo munição de escopeta. Ele também carregava totalmente carregadas duas pistolas de calibre 45, uma de calibre .454, uma escopeta, uma faca de combate, spray de pimenta e shurikens.

Depois de preso, Sterling disse que acredita ser o Justiceiro, o anti-herói da Marvel Comics. Ele também disse que pretendia iniciar um tiroteio com a polícia e assassinar uma das atrações da Phoenix Comicon.

A polícia acredita que o alvo era Jason David Frank porque no celular de Sterling tinha um lembrete para o dia 25 escrito: “Matar JDF”. Também foram encontradas mensagens onde ele afirma já ter esfaqueado Frank no passado, o que não parece ter realmente acontecido, e que queria “terminar o trabalho”.

Nesta sexta-feira, Frank realizou uma coletiva de imprensa para falar sobre o ocorrido, dizendo que apesar do susto, ele não se sente afetado e que tudo está bem. Ele também afirmou que isso não o impedirá de participar de novos eventos, agradecendo aos fãs pelo apoio e pela ação rápida da polícia.

Sterling foi preso com a possibilidade de pagar uma fiança de US$ 1 milhão. No entanto, ele não poderia mais portar armas, retornar ao centro de convenção ou ter qualquer contato com as pessoas que ele ameaçou. Ainda não se sabe qual é sua sentença final.

Pablo

Fundador, editor, apresentador, idealizador e os olhos oniscientes por trás do Random Geek!

%d blogueiros gostam disto: